Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ups... Já nos 40!

Esta sou Eu... sou Mãe, mas acima de tudo Mulher! E já nos 40...

Ups... Já nos 40!

Esta sou Eu... sou Mãe, mas acima de tudo Mulher! E já nos 40...

Cobras, cobras e mais cobras

Moro numa pequena localidade junto à serra. Na minha rua há vários terrenos em pousio e pinhais. 

Sexta-feira ao chegar a casa tinha uma cobra com mais de 1m de comprimento encostada ao portão de minha casa e quando o abri, lá foi ela rente ao muro para o terreno vizinho.

Hoje ao sair de manhã de casa, ao abrir o portão olho pelo espelho do carro e lá está uma cobra (espero que seja a mesma de sexta-feira, nem quero pensar que seja alguma familiar dela...) que se põe a atravessar a rua para o terreno baldio da frente.

Tenho medo PAVOR a tudo o que rasteja...

Já são cobras a mais para dias a menos... e nestes dias não tem estado aquele calor acima dos 30º...

MEDO, MEDOO, MEDOOOOOOO....

Coragem

Ontem estava determinada a ter "aquela conversa" que já ando a adiar há tanto tempo, mas como o dito em questão nunca mais chegava a casa senti-me traída pelo sono.

Mas antes de cair para o lado adormecer, enchi-me de coragem e mandei-lhe sms às 1.09h a dizer "precisamos de conversar". Dito isto desliguei o telemóvel e adormeci. Não o senti chegar a casa e muito menos à cama.

Hoje de manhã (quase hora de almoço, vá) chegou ao pé de mim e perguntou o que queria falar quando enviei a sms. Só lhe respondi que o que queria falar não era naquela altura e muito menos com os miúdos por perto...

Acho que está dado o mote para a dita conversa... hoje à noite vai ter de ser... custe o que custar, dê para que lado der...

Não sei se ele imagina qual o assunto, mas se tiver 2 dedos de testa deve desconfiar (ok, é homem já me esquecia...).

Coragem, muita coragem... o primeiro passo já tu deste, certo?!

coragem.jpg

 (imagem retirada da net)

Voltei...

Tenho andado ausente, muito ausente para dizer a verdade, mas estes dias não têm sido fáceis.

Iniciei um novo emprego em meados do mês (mais propriamente um CEI, através do Centro de Emprego), com um horário muito mais preenchido do que tinha anteriormente o que me deixa com pouco tempo para vir até aqui. E quando chego a casa, sinto-me completamente exausta sem vontade para fazer muita coisa (o ambiente por casa também não é o melhor e só tenho vontade de agarrar nos meus sacos do Continente e desaparecer, mas falta-me a coragem para fazer esta mudança na minha vida ainda mais sem um emprego que me dê alguma estabilidade e aos meus filhos).

Para piorar a coisa o telemóvel avariou-se e agora acesso à net e a todo o mundo virtual só mesmo em casa... (o que mais me falta acontecer!!!).

Relativamente ao "novo emprego" não posso dizer que não esteja a gostar, é completamente diferente do meu anterior emprego, mas são sempre aprendizagens. Uma curiosidade, entrei neste CEI juntamente com um ex-colega de trabalho, e apesar de estarmos em departamentos diferentes sempre sinto que tenho ali alguém conhecido e companhia para o café da manhã...

Já do ambiente, há muito a falar (eu vou tentar passar por aqui de vez em quando a contar algumas situações) e estando lá a apenas 2 semanas já deu para perceber que ninguém se dá com ninguém... muita mulher junta é o que dá.

E hoje já estou de fim-de-semana que amanhã é feriado municipal aqui no burgo... beijinhos e abracinhos 

(sei que tenho alguns desafios pendentes, prometo que respondo em breve).